segunda-feira, 16 de julho de 2007

Uma cidade de pequenos leitores


Fiquei encantado com a estrutura da flipinha, que enfeitou a praça da matriz com cores, livros, bonecos gigantes e muitas crianças lendo.
Uma parada na moral foi a árvore livro, no qual os frutos eram os livros e crianças e seus pais ficavam lendo debaixo de uma sombrinha deliciosa, uma boa idéia para incentivar a leitura.
Outra coisa que funcionou bem foram os debates e encontros com autores na tenda da flipinha, um momento bem legal e de integração de público com autores e ilustradores.
Esse é o diferencial de Paraty, essa troca bem calorosa de autores e o público.A biblioteca da tenda da flipinha também é bem pensada, vi diversas crianças lendo e interagindo com a família. Sai de Paraty com muitas idéias para incentivar a leitura no gueto carioca.

Nenhum comentário: